terça-feira, 6 de novembro de 2012

QUE AMOR É ESSE???


Ouvi uma pessoa dizer que não suporta sua irmã, que é um favor ela não aparecer em sua casa, uma vez que ela só fala asneiras e mentiras, enfim, que não gosta dela, sente mágoas e não está nem aí, que não vai mesmo visitá-la, ela que fique por lá, e será melhor para todos. Que horror ouvir um comentário assim.
Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, não pode amar a Deus, a quem não viu. 1º João 4:20.

Já pensou, se Jesus reagisse assim. Amando só os bonzinhos, os que fazem tudo certinho. E depois, será que nós somos os bons? Os únicos que não cometem pecados? Jesus nunca fez acepção de pessoas. Ele veio para os doentes, fracos, perdidos, pobres ou ricos, sem importar-se com a raça, credo ou cor. Jesus ensinou o que é amor verdadeiro. Morreu por cada um de nós. Que amor é esse?
O ódio excita contendas; mas o amor cobre todas as transgressões. Provérbios 10:12.

Esse é o amor de Jesus por cada um de nós, amor perfeito, entrega total, amor completo que perdoa, redime, salva e dá a garantia da vida eterna. É esse amor que precisa ser praticado em todos os relacionamentos. Não acusar, não criticar, não reclamar. Precisamos enxergar o que as pessoas têm de melhor e investir. Jesus investiu a vida d`Ele em nós, temos que passar por cima de todas barreiras que nos impedem de relacionarmos bem.

Acima de tudo, porém, tende amor intenso uns para com os outros, porque o amor cobre multidão de pecados. 1º Pedro 4:8.

Amados, se Deus assim nos amou, nós também devemos amar-nos uns aos outros. 1º João 4:11.

E assim, venceremos, praticando esse amor de Jesus. Essa graça infinita, pois é pela graça que somos amados e salvos.

Valéria Belotti

Oração para Ser Fortalecido


Ah Senhor amado!
Precisamos muito de ti!
Na verdade, mais que muito...
Infinitamente.


Por toda a Eternidade
precisamos do teu cuidado.


O que é a vida sem ti?
Sem o teu auxílio e amparo?

Tu és a força do meu coração fraco.

Tu és Aquele que dá força
ao que não tem nenhum vigor.

Tu és os Rochedo forte

do nosso amparo.

Tu és a proteção segura

quando o mal vem bater à nossa porta.

Ah, Senhor, muito obrigado!

Porque já posso sentir a tua presença,
levantando-me com a força
do teu poderoso braço.


Silvio Dutra

Provocando Ondas



"No qual temos ousadia e acesso com confiança, pela nossa fé nele" (Efésios 3:12).

Eu ouvi que, se a neblina impede que o marinheiro de um barco pequeno veja a bóia que marca seu percurso, ele gira rapidamente seu barco em pequenos círculos sabendo que as ondas que ele provoca balançará a bóia que estiver mais próxima. Então ele pára, escuta e repete o procedimento até ouvir o tilintar da bóia. Provocando ondas, ele encontra o seu percurso. Muitas vezes o ato de "provocar ondas" implica em correr riscos.
O barco que permanece no porto nunca enfrenta perigos, mas, também nunca chega a lugar algum. (The Christophers)

Em nossa caminhada neste mundo, é possível que tenhamos de "provocar ondas" para atingir algum objetivo. Nesse ato de "provocar ondas", podemos enfrentar perigos, podemos contentar e desagradar pessoas, podemos alcançar admiração ou críticas. Temos de estar preparados para tudo e, com perseverança e determinação, confiar que seremos vencedores.


Há pessoas que preferem não se arriscar, que se acomodam em sua insegurança, que se omitem quando alguma coisa depende de ousadia e coragem. Não experimentam decepções, mas, ao mesmo tempo, não saboreiam momentos de conquistas e vitórias.


A nossa vida não pode ficar limitada à covardia. Já houve quem dissesse que
o medo de perder impede que uma pessoa vença. Somos filhos de Deus e o Senhor nos conclamou a ter coragem e crer que Ele estaria a nosso lado nas lutas e batalhas. Se temos sonhos, lutemos bravamente por eles. Se queremos chegar a algum lugar, sigamos em frente e contemos com a direção de Deus. Se tememos a neblina que nos obstrue a visão da bóia da vitória, façamos o barco de nossa vida girar até atingirmos nossos propósitos. Só não podemos ficar inertes, conformados, sem fé e esperança, ignorando que o nosso Deus é poderoso para cumprir Suas promessas e nos conduzir em segurança.

Você está pronto a, se necessário, provocar ondas ou prefere ficar parado no porto da desilusão?



Paulo Barbosa

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

QUE OCUPAÇÃO É A TUA/ Teu chamado - Libório e Isaias

 
E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.
Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas;
Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão.
Ora, o Senhor, depois de lhes ter falado, foi recebido no céu, e assentou-se à direita de Deus.
E eles, tendo partido, pregaram por todas as partes, cooperando com eles o Senhor, e confirmando a palavra com os sinais que se seguiram. Amém. 
Marcos 16:15-20

FELIZ ! FELIZ ! FELIZ !


FELIZ ! FELIZ ! FELIZ !

Feliz mesmo! De verdade!
Não parafraseando o Shrek
quando ironicamente falou
ao ser confrontado pela fada má...drinha.

E porque estou tão feliz?

Chega de mistério...

Vamos logo ao ponto.

Estou feliz porque vejo
que num mundo perdido
de trevas, 
de maldade tão cheio.

Quantas pessoas de boa vontade,
e não são poucas, 
guardam ainda o temor de Deus, 
e o amam. 

Poderia ter maior alegria do que esta?
A de achar num monturo de pedras brutas,
não poucas pedras preciosas, 
mas muitas!

Isto se aplica a você amado (a) leitor (a), 
que tem aturado este pobre pastor.

Quisera expressar melhor o que sinto, 
e muito mais a verdade de Cristo. 

Mas o que fazer, 
somos mesmo limitados, 
porque glória, honra e poder, 
pertencem somente a Ele, 
em quem temos crido. 

Silvio Dutra

terça-feira, 30 de outubro de 2012

DOCÊ VOZ - LIBÓRIO


AQUI TUDO É ILUSÃO...




Vaidade de vaidades, diz o Pregador; vaidade de vaidades, tudo é vaidade. Eclesiastes 1:2. 

De tudo o que se tem ouvido, a suma é: Teme a Deus e guarda os seus mandamentos; porque isto é dever de todo homem.Eclesiastes 12:13. 

Verdadeiramente é o que nós precisamos fazer. Temer a Deus e guardar os seus mandamentos. A morte pode vir em qualquer momento, e ela virá de um jeito ou de outro para todos. Porque tanta vaidade, tanto orgulho? Somos feito do pó, e voltaremos para o pó. Logo que uma pessoa acaba de falecer já cheira mau. Aqui tudo é ilusão é passageiro. 

O que realmente importa é a nossa alma estar ligada ao nosso Criador, é a certeza de que quando a morte vier, ainda que estejamos sozinhos ou não, é com Jesus, que nós desfrutaremos da graça eterna. 


Porque este Deus é o nosso Deus para todo o sempre; ele será nosso guia até a morte. Salmos 48: 14. 

Precisamos estar preparados. Entregar a nossa vida para Deus e descansar Nele. Estar em comunhão com o nosso coração voltado para as coisas do Pai. Não podemos viver de qualquer maneira, despreparados. 
Mas Deus lhe disse: Insensato, esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será? Lucas 12:20. 

Que todos nós, possamos viver sempre de modo agradável para o Senhor. Mantendo o nosso coração limpo e em ordem, livre dos pecados, livre de tudo o que nos afasta de Deus. Que tenhamos nossa consciência tranqüila. Sem medo, na paz. Na dependência do Senhor. 

Em verdade, em verdade vos digo: quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna, não entra em juízo, mas passou da morte para a vida. João 5:24. 

Aquele que está em Cristo, tem certeza da vida eterna, mas é preciso ficar alerta para não perder a benção. 

Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor. Mateus 24:42. 

O que mais importa é a nossa Salvação, nada mais. O hino diz:
“ Ao findar o labor desta vida.
Quando a morte ao teu lado chegar.
Que destino há de ter tua alma. 
Qual será o futuro teu lar. 
Meu amigo hoje tu tens a escolha. 
Vida ou morte tu vais aceitar. 
Amanhã pode ser muito tarde. 
Hoje Cristo te quer libertar...”

Hoje, não deixe para amanhã!

Valéria Belotti

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

UM EXEMPLO DE CRISTÃ, UMA LIÇÃO DE VIDA


Coração Cheio de Misericórdia


Há tanta misericórdia no coração do Senhor,
que ela está sempre a transbordar.

É uma fonte que nunca seca.

Sinto isto, percebo isto, vivo isto.

De quanta misericórdia tenho sido alvo.

Elas são incontáveis.
Mais numerosas do que as estrelas do céu.

Misericórdia para mim e para você.
Misericórdia para quem
estende a mão para a receber.

Jamais a negará a qualquer que a busque.
Lindo, maravilhoso, bondoso é o meu Jesus.
Tão amado, tão querido.

Oh!
Amado dos amados!
Razão da nossa vida.
Louvado seja o Teu grande Nome!


Lam 3:22 As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim;
Lam 3:23 renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade. 
Lam 3:24 A minha porção é o SENHOR, diz a minha alma; portanto, esperarei nele. 
Lam 3:25 Bom é o SENHOR para os que esperam por ele, para a alma que o busca. 
Lam 3:26 Bom é aguardar a salvação do SENHOR, e isso, em silêncio. 
Lam 3:27 Bom é para o homem suportar o jugo na sua mocidade. 
Lam 3:28 Assente-se solitário e fique em silêncio; porquanto esse jugo Deus pôs sobre ele; 
Lam 3:29 ponha a boca no pó; talvez ainda haja esperança. 
Lam 3:30 Dê a face ao que o fere; farte-se de afronta. 
Lam 3:31 O Senhor não rejeitará para sempre; 
Lam 3:32 pois, ainda que entristeça a alguém, usará de compaixão segundo a grandeza das suas misericórdias; 
Lam 3:33 porque não aflige, nem entristece de bom grado os filhos dos homens. 


Silvio Dutra

O Maior É O Menor

 

"Mas não sereis vós assim; antes o maior entre vós seja como o menor; e quem governa como quem serve" (Lucas 22:26).

A definição de liderança, na Bíblia, é muito diferente da que é conhecida no mundo: 

1. Liderança não é uma posição -- é uma função. 

2. Liderança não é um direito -- é uma responsabilidade. 

3. Liderança não é ter autoridade -- é autorizar pessoas. 

4. Liderança não é um prêmio pela popularidade -- é influenciar outros. 

5. Liderança não é um assunto de gênero, raça ou idade -- é serviço.


O cristão é um grande líder. E não conquistou a liderança por merecimento pessoal, mas pela graça do Senhor Jesus. Ele não se gloria em dar ordens, mas, em servir. Ele não se regozija por ser obedecido, mas, em dizer: "Sim, Senhor!"
A Palavra de Deus nos diz que "aquele que se exalta será humilhado e o que se humilha será exaltado". É assim que queremos ser líderes e os maiores no reino de Deus: sendo pequenos e submissos à Sua vontade.

Quer ser o maior? Seja, então, o menor.

Libório em Cidade Praia

Neste ultimo Domingo, dia 14 de outubro, estivemos na Igreja Assembléia de Deus / Cidade Praia. Com os pastores; José Ribeiro, Jacob e Gilson Xavier, em uma grande festividade missionária, foi uma benção. Glória a Deus.

sábado, 29 de setembro de 2012

Tua Ocupação - Libório e Isaias

Devemos todos os dias fazermos algumas perguntas: Qual é o meu chamado? Que Ocupação é a minha? O que tenho feito para o Senhor?

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Doce Voz


FONTES DE ÁGUAS


            
REFLEXÃO DE BLOGUEIRO AMIGO

"A orientação que tenho (Tiago 3.11,12) é que uma fonte não pode jorrar água doce e salgada, por isso em nenhum momento é aceitável que um servo de Deus ofenda ao outro.

Por esse comportamento, a pessoa que pratica tais atos é conhecida como morna e Deus está pronto para vomitá-la, tamanha a abominação que o Senhor sente. Apocalipse 3.15,16.

Na medida que não se assume os erros, atesta-se insensibilidade que o conformismo traz, também sugere insensibilidade a voz do Espírito. Romanos 12.2. E o mesmo confirma indiretamente que a mudança de vida tão sugerida por Jesus não foi concluída no coração." 

Daniel

Visite o Blog:
http://belverede.blogspot.com.br/2007_12_01_archive.html 

            

Cristo Está Voltando


quinta-feira, 20 de setembro de 2012

LIBÓRIO em Nova Redinha - Pr. Sergio Ivan

Estivemos ali na Assembléia de Deus, congregação Nova Redinha. 
Foi uma benção, um culto muito avivado cheio da presença de Deus. 
Estivemos ali com a banda Santuário, o preletor foi o Pb. Adriano, grande homem de Deus, Deus continue abençoando seu ministério amado irmão.
Queremos parabenizar o pastor Sergio Ivan, pela linda congregação está uma benção.

Dar dinheiro na igreja


Dar dinheiro na igreja tem sido uma prática cada vez mais questionada. Certamente em virtude dos abusos de lideranças religiosas de caráter duvidoso, e a suspeita de que os recursos destinados à causa acabam no bolso dos apóstolos, bispos e pastores, não são poucas as pessoas que se sentem desestimuladas à contribuição financeira. Outras tantas se sentem enganadas, e algumas o foram de fato. Há ainda os que preferem fazer o bem sem a intermediação institucional. Mas o fato é que as igrejas e suas respectivas ações de solidariedade vivem das ofertas financeiras de seus frequentadores e fiéis. Entre as instituições que mais recebem doações, as igrejas ocupam de longe o primeiro lugar na lista de valores arrecadados. Por que, então, as pessoas contribuem financeiramente nas igrejas?

Não são poucas as pessoas que tratam suas contribuições financeiras como
 investimento. Contribuem na perspectiva da negociação: dou 10% da minha renda e sou abençoado com 100% de retorno. Tentar fazer negócios com Deus é um contra-senso, pois quem negocia sua doação está preocupado com o benefício próprio, doa por motivação egoísta, imaginando levar vantagem na transação. É fato que quem muito semeia, muito colhe. Mas essa não é a melhor motivação para a contribuição financeira na igreja.

Há quem contribua
por obrigação. É verdade que a Bíblia ensina que a contribuição financeira é um dever de todo cristão. A prática do dízimo, instituída no Antigo Testamento na relação de Deus com seu povo Israel foi referida por Jesus aos seus discípulos, que deveriam não apenas dar o dízimo, mas ir além, doando medida maior, excedendo em justiça. A medida maior era na verdade muito maior. Os religiosos doam 10%, os cristãos abrem mão de tudo, pois crêem que não apenas o dízimo pertence a Deus, mas todos os recursos e riquezas que têm em mãos pertencem a Deus e estão apenas sob seus cuidados.

Alguns mais nobres doam
por gratidão. Pensam, “estou recebendo tanto de Deus, que devo retribuir contribuindo de alguma maneira”. Nesse caso, correm o risco de doar apenas enquanto têm, ou apenas enquanto estão sendo abençoados. A gratidão é uma motivação legítima, mas ainda não é a melhor motivação para a contribuição financeira.

Existem também os que contribuem
em razão de seu compromisso com a causa, com a visão, acreditam em uma instituição e querem por seu dinheiro em algo significativo. Muito bom. Devem continuar fazendo isso. Quem diz que acredita em alguma coisa, mas não mete a mão no bolso, no fundo, não acredita. Mas essa motivação está ainda aquém do espírito cristão. Aliás, não são apenas os cristãos que patrocinam o que acreditam.

Muitos são os que doam por
 compaixão. Não conseguem não se identificar com o sofrimento alheio, não conseguem viver de modo indiferente ao sofrimento alheio, sentem as dores do próximo como se fossem dores próprias. Seu coração se comove e suas mãos se apressam em serviço. A compaixão mobiliza, exige ação prática. Isso é cristão. Mas ainda não é suficiente.

Poucos contribuem por
 generosidade. Fazem o bem sem ver a quem. Doam porque não vivem para acumular ou entesourar para si mesmos. Não precisam ter muito. Não precisam ver alguém sofrendo, não perguntam se a causa é digna, não querem saber se o destinatário da doação é merecedor de ajuda. Eles doam porque doar faz parte do seu caráter. Simplesmente são generosos. Gente rara, mas existe. O relacionamento com Jesus gera esse tipo de gente.

Finalmente,
há os que contribuem por piedade. Piedade, não no sentido de pena ou dó. Piedade como devoção, gesto de adoração, ato que visa apenas e tão somente manifestar a graça de Deus no mundo. Financiam causas, mantém instituições, ajudam pessoas, tratam suas posses como dádivas de Deus, e por isso são gratos, e são generosos. Mas o dinheiro que doam aos outros, na verdade entregam nas mãos de Deus. Para essas pessoas, contribuir é adorar.

Ed René Kivitz

Libório em Nova Natal II - Pr. Floriano

Queremos parabenizar o pastor Floriano e sua família, pelo grande trabalho que eles realizam na congregação de Nova Natal II. Estivemos ali em uma noite abençoada, podemos sentir a presença de Deus naquele lugar, MARAVILHA!!! Um abraço pastor Floriano, contamos com as vossas orações.

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

GUARDADOS POR ANJOS ...


História acontecida com o tio da minha mãe há quase oitenta anos atrás. Ele morava no interior do Estado do Paraná, no sítio e namorava uma moça do outro sítio, um pouco distante. Alguns rapazes da redondeza não aceitavam o namoro e prepararam uma emboscada na estrada. Ele regressava para sua casa a pé, sozinho, no escuro da noite, quando recebeu onze tiros.

As balas passaram raspando e nenhuma acertou. Os rapazes ficaram assustados em ver que nada tinha acontecido, pois ele continuou andando calmamente em direção a eles. Depois foi até a delegacia dar queixa dos rapazes. Quando questionado sobre a causa de não ter sido atingido ele respondeu que estava com Deus.

E os rapazes disseram para todos que ele estava rodeado de pessoas. Nunca mais implicaram com o namoro, casaram e viveram felizes. 


O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra. Salmos 34:7.

Como vale a pena estar em comunhão com Deus. Sempre em obediência, com fé e temor, seguindo seus mandamentos e confiando. Quantas histórias nós encontramos na Bíblia sobre o agir dos anjos enviados por Deus em favor de seus filhos. O apóstolo Pedro na prisão dormia tranquilamente, ele sabia em quem confiava, a Igreja orava sem cessar e o anjo apareceu para livrar. 

E eis que sobreveio o anjo do Senhor, e resplandeceu uma luz na prisão; e, tocando a Pedro no lado, o despertou, dizendo: Levanta-te depressa! E caíram-lhe das mãos as cadeias. E, quando passaram a primeira e a segunda guarda, chegaram à porta de ferro que dá para a cidade, a qual se lhes abriu por si mesma; e, tendo saído, percorreram uma rua, e logo o anjo se apartou dele. Atos 12:7,10.

O apóstolo Paulo também foi visitado por um anjo ali no navio. 
Porque, esta mesma noite, o anjo de Deus, de quem eu sou e a quem sirvo, esteve comigo. Atos 27:23.

E muitos outros mais. No deserto, com o povo de Israel. Deus sempre ali, fiel e enviando anjos. Com os heróis da fé, com homens e mulheres de Deus. Hoje não é diferente, Deus continua agindo em nosso favor, porque nós também somos guardados por anjos. 

Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos. Salmos 91: 11.

Não precisamos temer, nós nunca estamos sozinhos. Há anjos ao nosso redor. Quando louvamos, eles louvam juntos. Quando oramos, estão ali atentos. 
Bendizei ao Senhor, anjos seus, magníficos em poder, que cumpris as suas ordens, obedecendo à voz da sua palavra.Salmos 103:20.

Nós somente temos que agradecer a Deus pelos seus tantos cuidados, seu imenso amor, sua infinita graça e pela grande proteção. 
Eu, porém, cantarei a tua força; pela manhã, louvarei com alegria a tua misericórdia, porquanto tu foste o meu alto refúgio e proteção no dia da minha angústia. Salmos 59:16.

Valéria Belotti

Fiéis a Deus na Era da Imoralidade

Não há dúvida que estamos na ERA DA IMORALIDADE.

Ante a legalização do aborto,
união e casamento gay,
adoção de criança por "casal" gay,
descriminalizar drogas, e ser a
favor de liberdade sexual entre crianças eadolecentes; a "marcha das vadias" exigindo mais "liberdade" (mais?); chegamos a triste conclusão que é o fim do tempo da Graça é chegado!

- Que mais faltaria?! Superaremos os tempos de Noé, quando o pecado se avolumou a ponto de chegar até os céus? Aos dias de Sodoma que com suas cidades circunvizinhas foram pelo próprio Deus destruídas com fogo decido dos céus por sua imoralidade generalizada?

Vivemos, com certeza, os tempos de que enfaticamente nos fala a biblia tal como profetizou o apóstolo Paulo:
"SABE, porém, que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens:

-amantes de si mesmos,
-avarentos,
-presunçosos,
-soberbos,
-blasfemos,
-desobedientes a pais e mães,
-ingratos,
-profanos, sem afeto natural,
-irreconciliáveis,
-caluniadores,
-incontinentes,
-cruéis,
-sem amor para com os bons,
-traidores,
-obstinados,
-orgulhosos,
-mais amigos dos deleites do que amigos de Deus,
-tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. 

(aconselha o apóstolo) = Destes AFASTA-TE! (e continua). Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências; que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade. (2 Timóteo 3:1-7).

“Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu. Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos. E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis. Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para DESONRAREM SEUS CORPOS entre si; Pois MUDARAM A VERDADE DE DEUS em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém. Por isso DEUS OS ABANDONOU às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro. E, COMO ELES não se importaram de ter CONHECIMENTO DE DEUS, assim DEUS OS ENTREGOU a um sentimento PERVERSO, para fazerem coisas que não convêm; estando cheios de toda a:


-iniqüidade,
-prostituição,
-malícia,
-avareza,
-maldade;
-cheios de inveja,
-homicídio,
-contenda,
-engano,
-malignidade;
-sendo murmuradores,
-detratores,
-aborrecedores de Deus,
-injuriadores, soberbos, presunçosos,
-inventores de males,
-desobedientes aos pais e às mães;
-néscios, infiéis nos contratos,
-sem afeição natural,
-irreconciliáveis,
-sem misericórdia;
-os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem."
(Rm 1.21-32).

"Porque virá tempo em que NÃO SOFRERÃO a SÃ doutrina; mas tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concuspiscências; e DESVIARÃO os ouvidos da verdade VOLTANDO ÁS FÁBULAS." (2 Tm 4.3-5).

NÃO É EXATAMENTE ISSO QUE VEMOS HOJE EM DIA? O PECADO E A IMORALIDADE À SOLTA?

E POR QUE DEUS PERMITE ISSO?
Diz a Palavra: "DEUS OS ABANDONOU"...

SIM! ELE NÃO SÓ PERMITE O SOFRIMENTO AOS REBELDES COMO TAMBÉM OS TEM ABANDONADO POR SUA DESOBEDIÊNCIA À SUA PRÓPRIA SORTE. FORAM DESAMPARADOS POR DEUS QUE LHES RETIROU A SUA GRAÇA (A CHAMADA GRAÇA PROTETORA OU "GRAÇA COMUM" DERRAMADA SOBRE TODOS OS HOMENS - Rm 5.18).
ASSIM, EM SEU DESVARIO PECARÃO INCONTIDAMENTE E O O PECADO QUE TANTO AMAM E ABRAÇAM OS FARÁ SOFRER, OS DOMINARÁ E OS ESCRAVISARÁ - João 8.34; Pv 5.22.
ATÉ AO DIA QUE SE ARREPENDEREM E VOLTAREM-SE PARA DEUS. DEUS ENTÃO OS ACOLHERÁ E OS SALVARÁ POR SUA SUPERABUNDANTE GRAÇA, ATRAVÉS DO SANGUE REMIDOR DO SEU FILHO JESUS!!!


Por isso Deus recomenda ainda hoje amorosamente aos Seus servos que O seguem fiéis em todo o mundo, dizendo-lhes através do seu apóstolo:

"Mas TU, Ó HOMEM DE DEUS, FOGE DESTAS COISAS e segue
a justiça,
a piedade,
a fé,
o amor,
a paciência,
a mansidão.
"faze a obra de um evangelista;
cumpre o teu ministério."

(1 Tm 6.11)

O Apóstolo João endossa:
"Sê Fiel até a morte e dar-te-ei a coroa da vida" - Ap 2.10

Antonio Esteves

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

PARA CADA DESAPONTAMENTO

Temos que aceitar o finito desapontamento, mas jamais perder a infinita esperança. Martin Luther King

O sentimento proveniente do desapontamento é sempre ruim, seja ele causado por pessoas, circunstâncias ou pelos seus próprios erros. Ainda assim, em cada desapontamento, existem também oportunidades. Este é um fato incontestável na vida. 

Através dos desapontamentos – num contexto mais amplo da vida – você irá descobrir que os desapontamentos podem ter um valor positivo. Apesar de uma porta ter se fechado, outras muito mais acabam de ser abertas. Para cada desapontamento, você pode ganhar conhecimento, motivacão, perspectiva e um propósito mais claro e definido. Para cada desapontamento, você pode aprender muito sobre a vida, sobre você mesmo e sobre o mundo ao seu redor. 

Tente não se esquecer: quando a vida o joga pra baixo, lembre-se de que existem valores os quais - pela graça de Deus - podem colocá-lo para cima. Um desapontamento pode ser o seu grande aliado para um sólido crescimento e exposição do seu caráter. 

Para Meditação:

Foi-me bom passado pela aflição para que aprendesse os teus decretos. Salmos 119:71

Nélio DaSilva

Um tesouro Mais Precioso Que Ouro E Prata


"Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que por tradição recebestes dos vossos pais, Mas com o precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado" (1 Pedro 1:18, 19).

Em minha classe grega na Universidade de Campbellsville, o professor estava discutindo como a palavra para sangue foi traduzida em um determinado texto. Ele disse que a palavra usada para sangue era um plural, não muitas gotas de sangue, mas, exatamente, sangue. Ele declarou que o "sangue cobria tudo". Isto me fez pensar sobre o sangue de Jesus que cobriu todos os nossos pecados. (Rev. Matt Neace, Jr)

Que grande bênção é, para nós, o sangue de Jesus, vertido na cruz do Calvário. Estávamos desgarrados, longe do Pai, perdidos em nossos delitos e pecados e o sangue de Cristo nos purificou. Podemos, novamente, chegar à presença de Deus, ouvir a Sua voz, receber os Seus cuidados, sentir o Seu amor, viver abundantemente.


Cristo é tudo para nós. Nós o temos no peito, guardados no coração, como o tesouro mais precioso de toda nossa vida. Onde havia trevas, Ele trouxe a luz. Onde havia tristeza, há plenitude de alegria. Onde havia queixas e murmuração, agora habita o verdadeiro louvor e felicidade.

Tudo isso porque Ele pagou o preço de nossa salvação. tudo isso porque Ele nos amou e não levou em consideração toda a nossa rebeldia e indiferença. Tudo isso porque fomos lavados por Seu sangue puro e santo.


Quem tem Cristo tem um tesouro mais precioso que ouro e prata. Seu sangue nos deu vida eterna. Seu sangue nos transformou em filhos de Deus. Seu sangue incluiu nossos nomes entre os que herdarão o reino de Deus. Seu sangue iluminou o nosso caminho e não corremos mais o risco de nos perder na escuridão. Seu sangue nos trouxe da morte para a vida.

Eu tenho um tesouro que guardarei para sempre: o meu Salvador Jesus Cristo!
Visite o Blog: Para Refletir

Visite o Facebook:
http://www.facebook.com/ministeriopararefletir



Paulo Barbosa

Verdadeiro Ou Falso?


 

"Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo" (Mateus 25:34).

Muitos de nós seguimos os impulsos da vida Cristã. Nós frequentamos igreja ou grupo de jovens, recitamos versos da Bíblia e dizemos as coisas de maneira correta. Na realidade, entretanto, somos uma fraude. Chegará o tempo quando todos nós seremos chamados para estar diante do Juiz do Céu e da terra e "enfrentaremos dificuldades". Ninguém poderá se esconder na multidão. Os falsos serão separados dos verdadeiros. (Wayne Rice)

Temos nós sido verdadeiros, diante de Deus, em nossos propósitos? Temos colocado nossas vidas no altar do Senhor, oferecendo-nos para que Ele opere em nós a Sua vontade? Temos deixado para trás as coisas da velha natureza, procurando demonstrar que fomos, realmente, transformados em Cristo? Ou a nossa fé não passa de uma fraude?

Temos apresentado, na prática, o amor que proclamamos? Temos servido de exemplo, nas atitudes e na palavra? Temos permitido que a luz divina brilhe nos lugares por onde passamos? Ou o nosso cristianismo é totalmente falso?

Ser cristão é muito mais do que ir às reuniões do final de semana; muito mais do que carregar uma Bíblia nas mãos ou usar uma roupa com uma estampa bíblica; muito mais do que ter no bolso uma carteirinha com identificação de uma igreja. Ser cristão é seguir os passos de Cristo, é andar como Cristo andou, é ter um testemunho digno de uma pessoa transformada pelo Espírito Santo de Deus.

Quando o cristão for chamado à presença do Senhor no Dia do Juízo, não poderá se esconder, não poderá usar uma máscara, não poderá enganar ao Senhor. Será verdadeiro ou falso e nada impedirá que seja reconhecido. Se for falso, será apartado e se for verdadeiro, ouvirá o convite do Senhor: "Vinde bendito de meu Pai..." Poderá ser um dia maravilhoso ou um dia de grande tristeza.

Que aquele dia seja, para você, o momento de maior felicidade de sua vida.
Paulo Barbosa

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Matemático polemiza em Por que a Ciência Não Consegue Enterrar Deus


 

Matemático polemiza em "Por que a Ciência Não Consegue Enterrar Deus"

O matemático britânico John C. Lennox, da Universidade de Oxford, defende com argumentos sólidos a possibilidade de coexistência entre o conhecimento científico e a religião em "Por que a Ciência Não Consegue Enterrar Deus". O objetivo do livro é fornecer um amparo fortemente embasado para os cientistas, ou qualquer leitor, que sintam necessidade de debater em favor de sua crença. 
Para o autor, alguns ateístas têm um "fervor religioso" tão grande, que chegam a perseguir homens da ciência que possuem algum tipo de fé. Em casos extremos, diz, eles não conseguem nem aceitar que pessoas com uma crença possam ser inteligentes e construir conhecimentos com base na realidade.
Ao longo dos capítulos, o autor usa linguagem simples e citações de outros autores para mostrar que as descobertas feitas pelo homem não excluem a existência de um Deus. Lennox também expõe o que considera as fraquezas da ciência e revela que a maior parte das respostas que ela oferece são especulações teóricas que precisam da fé da comunidade científica para existir. Ele ainda ressalta momentos em que os acadêmicos precisaram se desmentir e até voltar atrás com suas afirmações.
Entre os temas discutidos estão o embate entre as cosmovisões, a organização da natureza e do universo, a complexidade da biosfera, a origem da vida e do código genético e a proximidade com a religião mantida por grandes cientistas como Francis Bacon, Galileu Galilei, Isaac Newton e Clerk Maxwell. 

Leia trecho inicial do capítulo "Deus - Uma Hipótese Desnecessária?"
 
Deus - Uma Hipótese Desnecessária?
  
A ciência tem alcançado êxito impressionante na investigação do Universo físico e na elucidação de como ele funciona. A pesquisa científica também levou à erradicação de muitas doenças horríveis e nos deu esperanças de eliminar muitas outras. E a investigação científica alcançou outro efeito numa direção completamente diferente: ela serviu para libertar muita gente de medos supersticiosos. Por exemplo, ninguém precisa mais pensar que um eclipse da Lua é causado por algum demônio assustador, que necessita ser apaziguado. Por tudo isso e por inúmeras outras coisas devemos ser muito gratos. 
Porém, em algumas áreas, o próprio sucesso da ciência tem também conduzido à ideia de que, por conseguirmos entender os mecanismos do Universo sem apelar para Deus, podemos concluir com segurança que nunca houve nenhum Deus que projetou e criou este Universo. Todavia, esse raciocínio segue uma falácia lógica comum, que podemos ilustrar como segue. 
Tomemos um carro motorizado Ford. É concebível que alguém de uma parte remota do mundo que o visse pela primeira vez e nada soubesse sobre a engenharia moderna pudesse imaginar que existe um deus (o sr. Ford) dentro da máquina, fazendo-a funcionar. Essa pessoa também poderia imaginar que quando o motor funcionava suavemente o sr. Ford gostava dela, e quando ele se recusava a funcionar era porque o sr. Ford não gostava dela. É óbvio que, se em seguida a pessoa passasse a estudar engenharia e desmontasse o motor, ela descobriria que não existe nenhum sr. Ford dentro dele. Tampouco se exigiria muita inteligência da parte dela para ver que não é necessário introduzir o sr. Ford na explicação de funcionamento do motor. Sua compreensão dos princípios impessoais da combustão interna seria mais que suficiente para explicar como o motor funciona. Até aqui, tudo bem. Mas se a pessoa então decidisse que seu entendimento dos princípios do funcionamento do motor tornavam impossível sua crença na existência de um sr. Ford, que foi quem de fato projetou a máquina, isso seria evidentemente falso - na terminologia filosófica ela estaria cometendo um erro de categoria. Se nunca houvesse existido um sr. Ford para projetar os mecanismos, nenhum mecanismo existiria para que a pessoa entendesse.

folha online

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Libório e Banda Santuário em Sítio

Estivemos em Sítio, em um grande culto de Santa Ceia. Foi uma noite maravilhosa, onde sentimos a presença de Deus, naquele grande memorial.
Queremos parabenizar o pastor Edilson Bessa e a irmâ Eliude, pelo grande trabalho que realiza naquele lugar.

Abraça-me - Libório e Banda


quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Libório e Banda Santuário em Jardim Lola

Queremos parabenizar o pastor Luiz Antonio e a toda liderança do DEJAD JL, na pessoa de Matheus Henrique, por uma mocidade tão linda, e pela realização de um culto de mocidade maravilhoso. Parabéns!
Quero também agradecer a esse quarteto lindo, Deus abençoe vocês. E para toda a igreja, e os jovens em especial, um abraço e beijo no coração.

GRAÇAS - Libório e Banda Santuário


segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Os Benefícios de Esperar em Deus!!


            
Na verdade, não serão confundidos os que esperam em ti; Salmo 25:3

Esperar é ficar em algum lugar até que chegue alguém ou alguma coisa que se tem como certa ou provável; e aguardar, contar com; ter esperança; ter satisfação em acreditar e confiar. Na vida sempre precisamos esperar por alguém ou por alguma coisa e esperar é uma tarefa que não é muito fácil, pois quem espera depender do tempo e de outras pessoas para realizar o que deseja e em alguns momentos o esperar faz com que algumas pessoas fiquem chateadas, frustrados e revoltadas.

Agora quando precisamos esperar por Deus que normalmente não nos atende de imediato, e geralmente passamos pelo teste do seu tempo, como reagimos diante dessa espera?Ficamos chateados, frustrados e revoltados? Começamos a reclamar dizendo: Porque tenho que esperar? Porque está demorando? Deus tem todo poder para realizar essa situação com uma palavra tudo estaria resolvido e porque não faz isso? Todos esses porquês revelam a nossa impaciência e incredulidade na sua pessoa.

Esperar por Deus é necessário ter paciência e confiança, não podemos cair no erro de medir a fidelidade de Deus pelo nosso tempo, pois Deus trabalha dentro do tempo d`Ele, Nm 23:19
 “Ele não é homem, pois não mente, nem se arrepende como todo ser humano. Ele faz o que promete, e cumpre o que diz”. Em Rm 8:24, diz: Somos salvos pela confiança. E confiar quer dizer: esperar ansiosamente conseguir algo que ainda não temos - pois um homem que já tem algo não precisa esperar e confiar que o conseguirá. Entretanto, se precisamos continuar a confiar em Deus por algo que ainda não aconteceu, isso nos ensina a esperar com paciência e certeza.Enquanto contemplamos o hoje e o agora, Deus sempre ver o amanhã e o aprendizado em nossas vidas, esperar tem um propósito, tem benefícios.

Os beneficios de esperar em Deus. 
Aprenderemos a esperar com paciência e certeza: 
Paulo disse que se precisarmos continuar confiando isso nos ensinará a esperar com paciência e certeza, Deus quer nos ensinar a esperar com paciência e certeza, pois na maioria das vezes esperamos em Deus por um certo tempo, mas logo vacilamos e desistimos porque nos faltam paciência e confiança em Deus e em Sua Palavra. Bem aventurado o Homem que me dá ouvidos, velando às minhas portas cada dia, esperando às ombreiras da minha entrada" Pv 8:34 Esperar È um exercício para fortalecer a nossa confiança em Deus.

Um dos homens que podemos citar como modelo de espera é o patriarca Abraão, todo o tempo de espera lhe forjou um coração capaz de esperar e crer em Deus, se você não está vendo o que tem esperado, esse é o tempo propicio de continuar esperando com confiança e esperança.
 Seja paciente espere pela ação do Senhor. Seja valente e encha o seu coração de coragem. Espere com confiança no Senhor! Salmo 27: 14

Por Irismar Santos

SER OU TER???


No mundo de hoje as pessoas estão sempre ocupadas em adquirir: querem TER mais... possuir mais... conquistar mais... ajuntar mais... se abastecer de mais...
Querem apenas SOMAR e nunca DIVIDIR, mas no entanto, estãoDIMINUIND...O: diminuindo o tempo com Deus; com a família; com os amigos; consigo mesmas... e ao final, não levam nada do queMULTIPLICARAM - Tudo o que ganharam, deixarão por aqui, e acabarão morrendo frustradas por não terem conseguido o que lhes era indispensável e primordial: o AMOR... 

Deixaram de SER importantes para alguém e para si mesmas... e sem o AMOR nada mais tem qualquer sentido ou VALOR.

"O mundo e a sua cobiça passam, mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre" (1 João 2: 17)
REFLITA NISSO!!!

Eis, transcrito abaixo, um dos capítulos mais bonitos das Sagradas escrituras (1 corintios 13)

Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.

E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.

E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.

O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.

Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;

Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;

Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;

Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;

Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.

Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.

Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.

Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.

Cícero Volney

QUANDO SE FALA DEMAIS ....



No muito falar não falta transgressão, mas o que modera os seus lábios é prudente. Provérbios 10:19. 

Olha só o cuidado, que todos nós temos que ter com relação ao nosso falar. Sabemos que Deus fez e faz tudo perfeito, dois ouvidos para que possamos ouvir muito bem. Precisamos usar a nossa boca como instrumento de bênção, para enriquecer e edificar todos os que estão ao nosso redor. Os sábios escondem a sabedoria, mas a boca do tolo é uma destruição. 

Na multidão de palavras não falta transgressão, mas o que modera os seus lábios é prudente. Provérbios 10.14,19. 

Nós precisamos controlar o nosso falar, é preciso ter prudência em nossos atos, muitas vezes é melhor ficar em silêncio, do que falar o que não deve. 

Põe, ó Senhor, uma guarda à minha boca; guarda a porta dos meus lábios. Salmos 141:3. 

É necessário que sejamos conduzidos pelo poder do Espírito Santo, refreando o nosso falar. 

O que guarda a sua boca conserva a sua alma. Provérbios 13.3. 

Vamos controlar as nossas palavras e ter maturidade cristã. Pedir para que Deus nos ajude a sermos sempre prudentes e cautelosos. Vamos pensar sempre e muito bem antes de falar alguma coisa, e refletir se será realmente para o bem daquele que vai ouvir. No caso de minha amiga, se a sua mãe não falasse das rosas teria sido uma grata surpresa. Ela achou que estava ajudando, mas estragou. Poderia ter falado de outra maneira, não teve prudência.

Se realmente for para beneficiar alguém, falaremos, senão, fiquemos calados. Vamos usar a nossa boca com sabedoria pois assim podemos ser fontes de benções e evitamos muitos problemas. Vamos falar sem ansiedades e preocupações, falar com moderação, amor, dentro da vontade e graça do Senhor. A Palavra de Deus diz que todos nós temos que vigiar e depois orar, então sejamos uma bênção, vigiemos pois em tudo no que nós vamos falar e Deus nos abençoará cada vez mais. 



Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca. Marcos 14:38.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Você é caco, pó ou barro?


Isaías 45.9

- Introdução:

O texto bíblico acima mostra claramente que quando olhamos para nós mesmos em relação a Deus devemos sempre lembrar que somos feitos do pó da terra.

A Bíblia diz que “formou o SENHOR Deus ao homem do pó da terra e lhe soprou nas narinas o fôlego de vida, e o homem passou a ser alma vivente” (Gênesis 2.7), ou seja, Deus molhou a terra, quebrou os terrões e amassou o barro, para formar o ser humano do pó da terra. Este contato do Senhor nos moldando demonstra seu amor para conosco.

Contudo o pó pode estar em três estados: poroso, úmido ou endurecido.

A terra porosa é o pó em si sem mistura, mas não há como fazer nada com ele a menos que seja misturado com água e bem amassado para ser moldado. O caco é o pedaço barro seco quebrado e também não há como fazer nada com ele amenos que seja bem quebrado, triturado ou moído e volte a ser como pó para então ser molhado e formado como barro novamente. O barro é a massa moldável que pode ser formada em diversas formas.

A vida espiritual pode ser comparada com a terra em pó, em cacos ou em barro. Muitas vezes estamos secos, outras vezes estamos endurecidos. Precisamos ser moldáveis como o barro nas mãos do Senhor.

Como você está?

Vamos refletir sobre estes três estados:


1- CACO: Isaías 30.14

O caco é o barro endurecido e precisa ser moído para ser moldado.

Quando estamos endurecidos, rígidos e sem fé, precisamos ser quebrantados por Deus.

O que endurece o nosso coração? O orgulho, a incredulidade, a religiosidade, tradicionalismo, falta de temor de Deus... tudo isso endurece o ser humano fazendo com que “têm cauterizada a própria consciência” (I Timóteo 4.2).
O caco representa a pessoa que mesmo sendo religiosa, está endurecida. Não reconhece seus erros. Coloca a culpa nas pessoas e acha que é vítima. Por isso o ‘caco’ fere o seu próximo.

A pessoa que está como um caco, acha que já está formada e moldada e não precisa mudar. Até que seja totalmente quebrada novamente e reconheça a necessidade de transformação.

O apóstolo Paulo é um exemplo de pessoa que foi como um caco. Ele era religioso, mas o orgulho endurecia sua fé e não queria se converter. Mas Deus quebrantou ele até o pó para ser transformado num novo homem (Atos 9).

Davi certa vez disse que estava assim: “Secou-se o meu vigor, como um caco de barro, e a língua se me apega ao céu da boca; assim, me deitas no pó da morte” (Salmos 22.15). Ele foi quebrantado por Deus quando reconheceu que estava na dureza do pecado.
Não endureça seu coração (Salmos 95.7,8), pois será como um caco que precisará ser moído.

Você já se sentiu como um caco?

Deus quer quebrantar e remodelar sua vida!

2 - PÓ: Isaías 26.5
O pó é seco e precisa ser molhado para ser moldado.
Quando estamos secos e ‘esfarinhados’ pelos atritos desta vida, somos como o pó da terra e precisamos ser molhados para ser moldado.

O que molha o pó? Há duas coisas que molham o pó: lágrimas (Salmos 42.3) e a água da Palavra de Deus para quem está sedento da presença do Senhor (Salmos 42.1). A Palavra de Deus e as lágrimas tornam nossas vidas mais moldáveis. As lágrimas que derramamos são úteis para reconhecermos nossa necessidade de Deus e mudar de vida umedecendo o que estava seco.

Davi também foi um exemplo de pessoa que estava no pó do pecado e teve que reconhecer sua necessidade de Deus dizendo: “Pois ele conhece a nossa estrutura e sabe que somos pó” (Salmos 103.14).

As coisas do mundo enfraquecem a fé para você secar diante de Deus (I João 2.16).

Você já se sentiu como o pó?

Deixe Deus molhar sua vida com a água da Palavra!

3- BARRO: Isaías 64.8

O barro é a massa de pó de argila e água e pode ser moldado facilmente.

Deus disse: “Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? — diz o SENHOR; eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel”(Jeremias 18.6).

Precisamos manter nossa vida sempre irrigada pela Palavra de Deus (II Pedro 3.5) para nunca secarmos ou endurecermos impedindo de ser moldados pelo Senhor.

O apóstolo João era um jovem discípulo de Jesus que em toda sua vida teve um coração sensível à ação do Senhor. Ele gostava de deitar a cabeça no peito de Jesus para sentir seu coração bater expressando seu amor e carinho (João 21.20).
Permita que Deus molde seu temperamento, atitudes e caráter. Cuidado com as coisas do mundo que endurecem o seu coração contra Deus.

Você já se sentiu como barro?

Deus o Oleiro, seja barro nas mãos do Senhor!

Deus quer moldar sua vida!

- CONCLUSÃO:


Como é triste vermos pessoas que estão secas e enrijecidas não aceitando o Senhor. Também há pessoas que estão no pó, mas não permitem que Deus as toque.

Todos nós já estivemos como um caco que precisou ser triturado e como o pó que com lágrimas precisou ser molhado. Mas como é bom estar sendo amassado pelo Oleiro que molda nossas vidas. Com certeza Ele fará uma peça de honra para o Seu nome.

Não endureça seu coração!

Não siga as coisas do mundo que te levarão ao pó!

Deixe Jesus a água da Vida te molhar e moldar!

Cantora e Missionária Solange Santos

O MEU SOCORRO



E os seus discípulos, aproximando-se, o despertaram, dizendo: Senhor, salva-nos, que perecemos. Mateus 8:25.

Jesus dormia tranquilamente enquanto seus discípulos assustados e medrosos foram acordá-Lo. E num instante tudo ficou resolvido. Jesus é a solução, é o nosso socorro sempre presente. Sentimos apavorados e desamparados, mas nunca devemos esquecer que o Senhor sempre está presente. 

Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. Salmos 46:1. 

Não importa a situação. Ainda que haja medo, susto,problemas, preocupações e dores, chame por Ele, o auxílio vem, e tudo passará. Assim como passou a tempestade. Os discípulos foram acordar Jesus porque eles sabiam onde buscar a solução, confiavam Nele. Sozinhos, nós não conseguiremos resolver nada, mas com o Senhor no comando tudo é diferente.

Nós, não precisamos ficar apavorados, nem assustados, mas descansados em Deus. E quando precisar, grite por socorro. 


Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre as nações; serei exaltado sobre a terra. O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. Salmos 46:10,11.